CANAL DA AÇÃO CULTURAL

Loading...

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Moradores de pequenas cidades se preparam para estudar cinema no RJ

12.02.2014

Dez professores, três jornalistas, dois produtores rurais, uma pedreira, uma estudante, um sociólogo e um ferroviário aposentado dividirão a sala de aula para aprender a dirigir uma obra audiovisual. A turma selecionada pelo Concurso Nacional de Histórias do Revelando os Brasis – Ano V está de malas prontas para participar das Oficinas de Formação e Realização Audiovisual, no Centro Cultural da Universidade do Rio de Janeiro, no Rio de Janeiro, entre os dias 09 e 23 de fevereiro, com todas as despesas pagas. O grupo formado por moradores de pequenas cidades com até 20 mil habitantes estudarão todas as etapas de uma produção audiovisual. Acompanhe notícias do projeto através do site www.revelandoosbrasis.com.br.

O curso é composto por aulas de introdução à linguagem audiovisual, roteiro, direção, produção, fotografia, direção de arte, som, edição e finalização, pesquisa, mobilização, direitos autorais e comunicação colaborativa. Após as oficinas, os selecionados retornarão as suas cidades para transformar as histórias reais ou inventadas em filmes com até 15 minutos de duração. Nessa fase, eles contarão com o apoio de uma produtora regional que irá providenciar os equipamentos de câmera e de som digitais, com operadores.

O Revelando os Brasis é realizado pelo Instituto Marlin Azul com patrocínio da Petrobras através da Lei Rouanet.

Com maior número de inscritos entre todas as edições, o quinto concurso de histórias do projeto recebeu 951 inscrições. Todas as cinco regiões brasileiras tiveram representantes selecionados: Nordeste (08), Sudeste (05), Sul (03), Norte (03) e Centro-Oeste (01). Quinze estados têm histórias escolhidas: Ceará (03), Paraná (01), Espírito Santo (02), Paraíba (02), Bahia (01), Rio Grande do Sul (01), Pará (01), Minas Gerais (01), Tocantins (01), Rondônia (01), Santa Catarina (01), Mato Grosso do Sul (01), Maranhão (01), Rio Grande do Norte (01) e São Paulo (02). A turma de selecionados é composta por dez homens e dez mulheres com idade entre 18 e 70 anos.

Assista: Universidade preparara moradores de todo o país para fazer filmesAQUI

A quinta edição selecionou histórias vindas das seguintes cidades: Barra de Santa Rosa e Aparecida (Paraíba), Arroio do Sal (Rio Grande do Sul), Palmeiras (Bahia), Meruoca, Aiuaba e Uruburetama (Ceará), Arraias (Tocantins), Douradina (Paraná), Tabapuã e Corumbataí (São Paulo), Candeias do Jamari (Rondônia), Irineópolis (Santa Catarina), Águia Branca e Vargem Alta (Espírito Santo), Brazópolis (Minas Gerais), São Domingos do Azeitão (Maranhão), Santarém Novo (Pará), Ladário (Mato Grosso do Sul) e Lajes (Rio Grande do Norte).

De acordo com o levantamento de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil possui 5.565 municípios, dos quais 3.923 têm até 20 mil habitantes.

Os filmes – Nas quatro primeiras edições do projeto, entre 2004 e 2013, foram produzidas 160 obras, entre ficções, documentários e uma animação. Os filmes foram apresentados nas comunidades e nas capitais, através do Circuito Nacional de Exibição Revelando os Brasis, que promove sessões de cinema em praças e ruas dos municípios. As produções também são exibidas em um programa de TV realizado em parceria com o Canal Futura. Na fase seguinte, os filmes do projeto são lançados em DVD com distribuição gratuita entre organizações sociais e culturais, bibliotecas, universidades e cineclubes de todo o Brasil.

O Revelando os Brasis promove a democratização do acesso aos meios de produção audiovisual, oferecendo aos moradores das pequenas cidades a possibilidade de contar suas próprias histórias através do cinema. O projeto é um instrumento de registro da memória e da diversidade cultural do país e revela novos olhares sobre o Brasil.

 

Números do Revelando os Brasis

• 951 inscrições recebidas na quinta edição;

• 166 inscrições de moradores de Minas Gerais, estado com maior número de inscritos;

• 342 histórias vindas do Nordeste, região com maior número de participantes nesta quinta edição;

• 3.452 inscrições foram contabilizadas em todas as edições do concurso;

• 160 obras, entre documentários, ficções e animação, foram produzidas em quatro edições;

• 240 sessões de cinema foram realizadas nas cidades e capitais dos estados durante as quatro edições do Circuito de Exibição;

• cerca de 100 mil espectadores acompanharam as sessões do Circuito de Exibição.

 

A Equipe de Professores

A equipe de professores do Revelando os Brasis Ano V é formada por profissionais das áreas de cinema, televisão, jornalismo e história. São eles:

Alex Araripe 

Alexandre Guerreiro 

Ana Paula Cardoso 

Beth Formaggini 

Juarez Pavelak 

Paulo Halm 

Luelane Loiola

Vanessa Jardim

Virginia Flôres 

 

Serviço

Oficinas de Formação e Realização Audiovisual Revelando os Brasis Ano V

Dia 9 de fevereiro – Chegada dos Selecionados

De 10 a 22 de fevereiro – Oficinas no Centro Cultural da Universidade do Rio de Janeiro – Campus Maracanã, das 9h às 12h e das 14h às 18h

Dia 23 de fevereiro - Retorno dos Selecionados

 

Fonte: Instituto Marlin Azul

Fotos: Ratão Diniz

Publicação: Ascom / MinC

Nenhum comentário: