VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Sociólogo analisa desabafo de professores da rede pública de Sergipe


“Tá faltando consciência
Tá sobrando paciência
Tá faltando alguém gritar”

“Eu não consigo nem conceitualizar o que é correto, quando eu tenho analfabetos na oitava série, quando eu tenho alunos armados do lado de crianças de 10 anos de idade na mesma sala de aula, quando tenho meninas engravidando no banheiro, quando tenho tráfico de drogas dentro da escola. E quando levo esse caso para polícia, para o Ministério Público, o que me dizem é que o problema é endémico e ninguém pode fazer nada”, explica Maíra Magno.

No limite! Há quem resolva gritar de uma forma mais dura, somando seus gritos a tantos outros, inclusive dos gritos surdos ou ensurdecidos que não são ouvidos ou que são ouvidos por poucos, inclusive o grito daqueles adolescentes que, no limite, acabam tirando a vida de colegas e/ou de professores ou que estão morrendo, tanto por suicídio, como de outras maneiras, como por meio do consumo e /ou tráfico de drogas.

Se é verdade que o governo de Sergipe está investindo em reformas de prédios escolares e na melhoria das condições salariais dos professores, ainda que sob pressão, é verdade que a ingerência politica dentro da secretaria de educação, é a fonte do caos.

Uma herança maldita de outros governos e que sustenta coisas do tipo como professor lotado na unidade de ensino e que é descoberto recebendo salário sem ir trabalhar, após a direção da escola solicitar professor para uma certa matéria, um funcionário que falta dois dias e trabalha um, merenda com excesso de açúcar e carboidratos, totalmente na contramão do que recomenda a mais moderna e sensata ciência da nutrição, entre outras aberrações e absurdos.

Tudo isso mantido e alimentado com base na inexistência de um sistema de gestão democrática, sustentado em um modelo que incentive e garanta a participação de professores, alunos, pais e funcionários nos rumos e decisões da escola, com garantia de recursos suficientes e com autonomia politica e pedagógica.

E para completar, a falta de um programa de atualização permanente e ampla, para professores e funcionários das escolas com a participação das universidades púbicas, inclusive da Universidade Aberta do Brasil (ensino a distância).

http://letras.mus.br/zeze-di-camargo-e-luciano/85344/
Leia mais sobre o assunto, abaixo
http://www.soudesergipe.com.br/professora-da-rede-estadual-de-se-xinga-alunos-e-expoe-provas-com-identificacao-em-rede-social/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=professora-da-rede-estadual-de-se-xinga-alunos-e-expoe-provas-com-identificacao-em-rede-social

Resposta da professora Maira Magno.

Meus queridos amigos, venho aqui agradecer o apoio de vcs e dizer que a muito contragosto, para que minha querida mamãe nao sofra um enfarte estarei me afastando do face. Não gostaria pois parece que estou recuando ou assumindo alguma culpa, além da que realmente eu tive em quebrar todos os protocolos, mas acho que se eu continuar a dar panos para mangas neste situação minha mae enfarta. Gostaria de apaziguar os amigos mais proximos que estão tão preocupados comigo dizendo que eu estou realmente muito bem, e os que me conhecem sabem que eu nao minto, então se estivesse mal eu diria. Sobre o ocorrido jamais poderia imaginar a proproção que tomou e de fato, mais que envergonhada por ter utilizado dos metodos mais absurdos, ilegais e imorais finalmente consegui levantar um dialogo amplo sobre a total falta de qualidade da educação neste estado. Peço a todos que nao se preocupem com a minha integridade fisica, moral, psicologica ou juridica, vcs que me conhecem sabem o qt eu sou dura na queda e perder o emprego, ser exposta na midea e ter milhares de pessoas me ofendendo verbalmente realmente nao me causa dano moral, fisico ou psicologico algum, quem esteve ao meu lado durante o ano que eu lecionei no senador lourival fontes sabe o qt desgaste fisico e psicologico eu vivi diante da impotencia que sentia em meu trabalho e pela incapacidade real de fazer algo efetivo pela vida daqueles meninos. Detesto pagar de vitima e quem me conhece sabe que isso nao vai acontecer, o que eu fiz esta feito, o que foi dito foi dito. me arrependo? Realmente ainda nao sei, todos vcs sabem da via crusses que percorri para tentar ajudar aquela escola, mas bizarramente foi chamando os alunos de burro e mandando tomar no cu que eu consegui atenção mais efetiva para aquele local, o que só reflete a barbarie em que esta sociedade se encontra. para quem demonstrou apoio aqui no face so peço uma coisa: Não abandonem a causa! O aluno que hoje esta na carteira escolar como semi analfabeto pode te assaltar amanha. Uma escola ruim danifica toda uma sociedade e todos nos somos vitimas disso. Por favor e eu falo sem hipocrisia ate pq quem me conhece sabe que hipocrisia é algo que nao existe em mim, não temam por mim, eu vou ficar bem. Mas por favor, especialmente pq amanha eu ja estarei desempregada COBREM PROVIDENCIAS DO PODER PUBLICO! fiscalizem as escolas, mesmo que vcs ou seus filhos nao estudem nelas, la estarão os futuros criminosos ou os futuros doutores que poderão salvar ou acabar com a sua vida. Não aceitem uma escola que depois de 9 anos nao alfabetiza! Não aceitem o livre acesso da criminalidade e prostituição nas escolas, não aceitem o vandalismo em ambiente escolar, não aceitem a violencia que impera em ambiente publico, nao aceite que as escolas publicas se tornem palco livre para o trafico de drogas. minha surtada é uma prova de que todo mundo pode fazer muito! mesmo que de forma tresloucada. Não é comigo que vcs tem que se preocupar, se realmente querem demonstra suas solidariedades vão na escola senador lourival fontes e se ofereçam para fazer qq trabalho voluntario, lá falta tudo! E a unica coisa que eu tenho certeza que a secretaria vai nos dar é a minha demissão. Bem, finalizando, calma galera, eu ainda não morri, ainda nao fui pra cadeia e nem to perto de uma internação psiquiatrica. no fim brigadão a todos vcs. Ah para meus aluninhos a professora esta bem e se ate amanha eu nao for demitida, o que eu duvido muito, teremos aula normal viu?

Nenhum comentário: